quinta-feira, 6 de março de 2014

Como Higienizar Batons,evitando e aniquilando vírus da HERPES.Técnica INÉDITA!

Olá Fofolets



    Dica de hoje é sobre higienização de batons.Tenho visto as que são ensinadas no You tube,mas até agora não essa técnica que faço,é de minha autoria,por isso,trago algo diferente e bem mais eficiente.


    Alguns estão se perguntando mas,qual motivo eu teria de limpar meus batons?Simples!As vezes emprestamos batons a amigas e até mesmo a alguém desconhecido que costumam pedir quando estamos retocando em banheiros.(Povo sem noção!O que não é nada legal,sair emprestando batons,principalmente para desconhecidos,é muito arriscado,nesse ponto sou chata!)Acho super constrangedor,por que eu nego na hora!Sorry!



    Não se empresta escova de dentes nem calcinhas né?Super anti higiênico é muito íntimo.Pois de mesma forma é o batom.Pelo menos é o que penso!E em outros casos,que caberia essa limpeza seria as pessoas que são maquiadores,essa seria a forma ideal,caso não use plaquetas ou porcionamento e até aplicadores descartáveis.E também as que compram em bazares batons usados.É possível sim fazer a higienização satisfatória.



     Não creio que uma simples passadinha de papel umedecido em álcool possa vir a matar uma grande quantidade de germes,bactérias e vírus.É necessário tempo para que o álcool haja,principalmente em se tratando de alguns detalhes bastante relevantes,há certos tipos de vírus que não são aniquilados tão rapidamente,como o da herpes que pode permanecer vivo por um certo período,apesar de não sobreviver muito tempo fora do corpo,porém uma vez infectado é para vida toda,não há cura.O contagio pode ser por meio de contato físico como beijo,apertos de mãos de alguém que esteja com o vírus em seu organismo de forma latente,ou seja que tenha tocado no ferimento e não higienizou-as,através de objetos, como batons,copos,talheres,toalhas,tampas de canetas mordidas e ainda secreções salivares deixadas em equipamentos não limpos e esterilzados em consultórios dentários ,secreções sexuais através de sexo oral,podendo ainda contagiar outras áreas como ânus,vagina,pênis e etc.Não vou desenhar,né?!Todo mundo sabe do que falo!
    Uma das formas de prevenir contagiar outras pessoas,no caso já tê-la adquirido é evitar esses tipos de contatos e manter as mãos sempre limpas e lavadas,enquanto estiver com a área lesionada,esse momento é o mais crítico da manifestação viral,isso se dá em torno de 3 à 7 dias.E lembre de nunca estourar as bolhinhas,pois poderá aumentar a área de contágio,sem contar que a dor é excomunal.As lesões desaparecem da mesma forma que chegaram entre 7 à 10 dias.Sem deixar nenhum vestígio ou cicatrizes.A reconstrução é incrível.Por isso é tão difícil saber se alguém é portador ou não do vírus.Você só saberá se ela estiver em crise ou se lhe contar,o que geralmente quem tem não faz por vergonha e constragimento,por temer rejeição social.O CONTAGIO INDEPENDE DE CONDIÇÃO SOCIAL.


    O ideal para aquelas pessoas que a tem e esta nesse processo de latência e efervescência viral,é evitar o calor ou coisas quentes.Breve darei dicas mais detalhadas de como diminuir a ardência e dor.E evitar que aflore em momentos de crise.Estou preparando um segundo vídeo.


    E então como sempre faço,gostaria que vissem o vídeo para poder entender melhor.Ramu simbora?!



                                          


Até daqui a pouco,Saquinhos de bjinhos e qjinhos esterelizadoooos!